9 de abril de 2018

Tendências de 08 a 14/04/2018 – Visão Futurista chamada Tradição

Poções, caldeirões e tradições. É este o momento de lançar mão destas dádivas e fazermos nossa própria fórmula da felicidade

Tradição é algo a ser respeitado. Não necessariamente precisamos estudar tudo que temos a aprender. Muitas das vezes, repetimos padrões que nos são intuídos, seja por ascendentes ou por reincidentes.

Talvez as brumas pela manhã escondam mistérios e magias que nossas  céticas retinas não queiram enxergar, mas que servem de filtros para o retorno de nossas viagens astrais.

Estamos nós em momento de final de ciclos e recomeços com aprendizado, com autoavaliação, e, principalmente com as novas tendências de velhas tradições.

Seria menos enigmático, se não fosse esse momento, onde tudo significa muito e nossos passos passíveis de muitas interpretações. Mas não é momento de duvidar do caminho e sim, de ter maturidade para anular os resultados negativos.

A velha anciã cega que assusta tantos os leitores de contos infantis, mostram que a criatividade e a imaginação estão disponíveis e acessíveis para que achemos nossas próprias receitas, magias e respostas.

Sábia e velha, já calejou as mãos em misturas alquímicas que tanto bem fizeram  aos que acreditavam serem dignos. Ficou cega com o excesso de calor do fogo, e hoje, já não lhe é possível ler suas próprias receitas. Entretanto, pode reproduzir na essência e no registro de alma tudo aquilo da experiência assertiva que já vivenciou. E se cerca das melhores e mais confiáveis companhias, na certeza de que não mudarão de posição todas  as poções já misturadas.

É isso que estamos precisando aprender – reproduzir nossos registros de alma na companhia das mais leais amizades e amores.

Hora de estender a mão aos que ainda têm muito a nos ensinar. Acima de tudo, ser a bengala, o início e o fim de tudo que não queremos enxergar. A chance está em nossas mãos para fazer diferente, repetir os acertos e reconhecer nossas próprias cegueiras.

Aprofundados cada vez mais em nossas mágoas e provações, esquecemos de que a ajuda está ao lado, dentro e Acima de nós. Esquecemos de nós mesmos, de nossa fé e de nossa anciã particular.

Se for preciso, cegue-se para o exterior e enxergue a essência.

Façam uma meditação e busquem o que seus pais, avós e ancestrais sempre lhes ensinaram.

Uma excelente semana de brumas.

Óleos Essenciais: Pinho + Petitgrain

Artigo escrito por Marcelo Barroca

Marcelo Barroca Assertividade. Intuição. Humanidade. Assim se caracteriza seu trabalho como Oraculista. Tradução de símbolos arquetípicos com a marca de quem ama e respeita o que faz.

Comentários

Valéria Trigueiro

Valéria Trigueiro é professora de inglês por formação e aromaterapeuta por vocação. Escolheu dentre todas as possibilidades que a Aromaterapia apresenta, elaborar perfumes personalizados como item de “cuidados pessoais”. Para tal utiliza diversas ferramentas de investigação energética e emocional, fazendo anamnese profunda e testes olfativos. Dentre tais ferramentas podem ser encontrados a Carta Natal do cliente, o estudo dos setênios ou a leitura de oráculos com abordagem alquímica. Todos os produtos são elaborados com ervas e óleos essenciais da melhor qualidade, sem quaisquer aditivos químicos.

E-mail para contato

Formulário

Sua opinião é muito importante para nós. Envie uma mensagem através do nosso formulário abaixo.